QUAL SIGNIFICADO DA SEMANA SANTA?


Ouço muitas pessoas falarem sobre a Semana Santa. Mas, o que exatamente acontece durante esse tempo?

A Semana Santa é definitivamente um momento muito sagrado do ano litúrgico, pois é nela que recordamos a última semana de vida de Jesus na terra. Estes são os dias que antecedem a grande festa da Páscoa. O tempo quaresmal de sacrifício e abnegação está prestes a chegar ao fim, mas, a próxima semana é extremamente importante para tod@s @s crist@s. O maior foco da semana é a Paixão (sofrimento) e Ressurreição de Jesus Cristo e os acontecimentos que levam a ela. Documentos históricos nos diz que desde muito cedo, ainda no século IV, a igreja já celebrava esta "Grande Semana" com um sentimento de profunda santidade.

Ela começa com o Domingo de Ramos, que marca a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. A característica central do serviço adequado a este dia, são os ramos, que são abençoados e celebrado o culto. Outra característica notável e muito antiga neste tempo é a leitura da Paixão por três leitores.

Especialmente importante para os cristãos que é o Tríduo Pascoal. Estes são os três dias que antecedem a Páscoa. Na Quinta Feira Santa, nós renovamos a última ceia que o Senhor compartilhou com seus apóstolos na noite em que foi traído e preso. Esta é uma das mais belas liturgias de todo ano litúrgico. No culto, lavamos os pés um dos outros, assim como fez Jesus.

Na Sexta Feira, o dia da crucificação e morte de nosso Senhor, temos a lembrança de Cristo na cruz. Um serviço realizado as quinze horas (Hora em que se acredita que Cristo morreu) e outra no final da tarde. Nós ficamos em contrição, a fim de mostrar honra e respeito pelo sacrifício de Cristo por nossa causa. Não há consagração da Eucaristia neste dia, a comunhão deve ser recebida na noite anterior. Sábado Santo é uma vigília. Nós mantemos o relógio na expectativa crescente de Nosso Salvador. Este foi o dia em que Ele desceu ao inferno, a fim de resgatar nossas almas. Jesus mudou isto ao pagar o preço por nossos pecados na Cruz, Ele ganhou nossa salvação eterna, e o céu se abriu para nós.

Também nessa noite, as pessoas que passaram meses de preparação serão recebidas através do Batismo de Confirmação na Igreja. É uma ocasião alegre. Aqueles que se empenham sinceramente em viver o ciclo pascal (Quaresma, Tríduo e Páscoa) descobrem que Ele pode mudá-los para sempre. Isso é especialmente verdade no Tríduo que, estando no coração na época da Páscoa, faz-nos imergir intensamente no ministério fundamental do que é ser cristão. Durante estes dias, sofremos com Cristo, para que possamos subir com Ele na Sua gloriosa Ressurreição. A Semana Santa é um momento reservado para nos limpar de nossas atividades desnecessárias. Nossas mentes e corações devem estar fixos em Jesus e o que Ele fez por nós. Levemos a cruz de modo digno de usar a coroa que Ele usou.