EM DEFESA DO CASAMENTO BÍBLICO.


Quando vejo cristãos fundamentalistas fervorosos defenderem os valores familiares, a defesa da família bíblica me pergunto: De qual família bíblica estão falando?
Este texto cômico exemplifica muito bem o que as pessoas defendem sem uma mera leitura bíblica.
A Equipe de Oração Presidencial está incitando-nos a: "Orai pela presidenta, enquanto ela busca sabedoria sobre como codificar legalmente as definições de casamento. Ore para que ela seja de acordo com os princípios bíblicos. Como muitas forças insistem em variantes do casamento, orem... que a Palavra de Deus e Seus padrões sejam homenageados pelo nosso governo. "Qualquer pessoa religiosa acredita que a boa oração deva ser equilibrada com ação. Então, aqui, em apoio as metas admiráveis da equipe de oração, vai uma proposta de Emenda Constitucional que codifica o casamento inteiramente aos princípios bíblicos:

A - O casamento no Brasil será composto da união entre um homem e uma ou mais mulheres (Gn. 29:17-28; II Sm. 3:2-5).

B - O casamento não deve impedir o direito de um homem tomar concubinas, além de sua esposa ou esposas (II Sm. 5:13; I Rs. 11:3; II Cr. 11:21).

C - Um casamento só será considerado válido se a mulher for virgem. Caso a mulher não seja virgem, deverá ser executada (Dt. 22:13-21).

D - É proibido o casamento entre um crente e um não-crente (Gn. 24:3; Nm. 25:1-9; Ed. 9:12; Ne. 10:30).

E - Este casamento é para a vida inteira, nem a Constituição, nem qualquer lei estadual ou federal deve ser interpretada de modo a permitir o divócio (Dt. 22:19; Mc. 10:9).

F - Se um homem casado e morrer sem filhos, seu irmão casará com a viúva. Se ele se recusar a casar com a viúva de seu irmão ou deliberadamente não lhe der filhos, deverá pagar a multa do sapato e ser punido de uma forma determinada pela lei (Gn. 38:6-10; Dt. 25:5-10).

G - Em vez de casamento, se não houver homens aceitáveis em sua cidade, há a nescessidade de você ter relações com seu pai bêbado (mesmo que ele já tenha te oferecido como brinquedo sexual para homens jovens e idosos). É nítido que esta regra aplica-se apenas se você for mulher. (Gn. 19:31-36).

Texto de Cindy Scott.