JESUS GAY!


Calma, não estou afirmando que Jesus é gay ou não é gay, o que quero discutir nessa matéria é sobre a visão que temos do nosso Deus homem, Jesus Cristo. Genesis 1:27, afirma que Deus nos fez a sua imagem e semelhança e em Hebreus 4:15 afirma que Jesus em tudo foi tentado. Vermos nosso Senhor com aspectos ligados a nossa vivência não constitui blasfêmia, muito pelo contrário, faz desse Deus que parece tão distante e inacessível algo inerente ao nosso próprio ser, é o estar mais perto Dele, desse amor que não nos condena, e, que é capaz de nos compreender exatamente por ter passado por tudo aquilo que passamos. Precisamos nos libertar dos preconceitos que cultivamos sobre nós mesmos, sentimentos de LGBT fobia internalizados. A bíblia diz que Deus se fez homem... Hétero, Bi ou Homo a sua imagem e semelhança. 

“Sermão da Montanha”, de Elisabeth Ohlson Wallin.

Cada comunidade apresenta Jesus em sua própria maneira. Há um Jesus branco, um Jesus negro, Jesus Asiático - e agora um Jesus gay para curar os danos feitos em nome de Dele. O estranho Cristo encarna amor loucamente inclusivo de Deus por todos.
Ninguém sabe se o Jesus histórico foi atraído por outros homens. Alguns estudiosos inovadores acreditam que sentiu sim atração pelo mesmo sexo. Como ser humano, Jesus deve ter tido sentimentos eróticos. Como ser divino, Cristo vive em indivíduos de cada orientação e identidade de gênero.

“Estudo para A Última Ceia”, de Becki Jayne Harrelson.

Quando crucificaram Jesus, fizeram uma violência para todos que ousaram ser diferentes. Jesus disse: “Faça o que fizer ao menor destes, que esta você faz a mim” Mt. 25:40. Nesse sentido, é inteiramente apropriado mostrar um Jesus gay na cruz.

Ver Jesus como gay, bissexual, travesti transexual, ou mesmo que se sinta atraído amorosamente por pessoas do mesmo sexo é muito estranha para a maioria dos cristãos, mas também para a maioria das pessoas da comunidade LGBT. Aqueles que se atreveram apresentar Cristo como homossexual foram acusados ​​de blasfêmia. Muitos sabiam que suas ideias seriam censuradas ou mesmo destruídas. Jesus é amor tem revelado algumas dessas visões emancipatórias para todos aqueles que conseguem ver.